Ginecologia Estética

Cirurgia plástica, Clareamento da pele e Outros

Ginecologia Estética e Funcional

A associação das Técnicas Cirúrgicas Ginecológicas com as técnicas da Cirurgia Plástica vão propiciar a Melhoria Estética e Funcional da Vulva e da Vagina.

A demanda por cirurgia reconstrutiva corretiva está constantemente crescendo devido à relação próxima entre a estética e a melhoria da funcionalidade vaginal e vulvar.

Entre outros tratamentos oferecemos :

CIRURGIA PLÁSTICA DE PEQUENOS LÁBIOS

NINFOPLASTIA OU LABIOPLASTIA OU CIRURGIA PLÁSTICA DOS PEQUENOS LÁBIOS

Os procedimentos são indicados de acordo às necessidades de cada paciente :

– Diminuição dos pequeno-grandes lábios, tendo o objetivo de propiciar maior conforto ao se vestir ou durante a relação sexual.

– Cirurgia de grandes lábios (flacidez e “bolsas”).

– Clareamento da pele da área vulvar, virilha, períneo e ânus.

– Retirada de sinais e nódulos (caroços).

Todas as pacientes são avaliadas rigorosamente antes da cirurgia. Imagens da genitália são realizadas para discutir, antes do procedimento, quais as melhores opções de tratamentos.

A maioria dos tratamentos são realizados com anestesia local, na clínica, sem necessidade de internação hospitalar.

O USO DO LASER CO2 FRACIONADO NA GINECOLOGIA ESTÉTICA E FUNCIONAL

Como todos os órgãos do corpo humano, a genitália sofre modificações ao longo da vida da mulher. As gestações, o trauma do parto e a diminuição dos hormônios na menopausa alteram a estrutura anatômica e a funcionalidade da vagina.

O LASER fracionado é um novo tratamento para o ressecamento e a flacidez vaginal, não cirúrgico, que pode ser utilizado em toda paciente graças a sua segurança, e por ser minimamente invasivo.

A interação da luz LASER com as paredes vaginais reativa o metabolismo das células atróficas, estimulando a produção de colágeno e aumentando a lubrificação vaginal.

A aplicação do LASER Fracionado não tem as contraindicações ou os efeitos colaterais das terapias hormonais que eventualmente podem ocorrer.

TRATAMENTO DA MELANOSE VULVAR – CLAREAMENTO VULVAR

Ao longo da vida, a coloração da pele pode sofrer alterações devido a processos fisiológicos como a gestação, o uso de fármacos, ou inflamações causadas pela depilação. O aumento da pigmentação ocasiona o escurecimento da pele dessa região.

A ablação (“peeling”) do epitélio com LASER promove o clareamento da pele dos grandes lábios, virilhas, região perineal e região perianal. Associa-se o uso de cremes individualizados para cada tipo de pele, para potencializar o resultado e manter a integridade da pele.

Importante : Antes de qualquer procedimento na região vulvar ou vaginal, nós avaliamos a paciente, principalmente do ponto de vista ginecológico, para diagnosticar e tratar qualquer doença existente antes da aplicação do LASER.

SÍNDROME DO RELAXAMENTO VAGINAL (NOMENCLATURA IUGA/2012) – “VAGINA FROUXA”

O canal vaginal tem seu diâmetro definido pelo conjunto de músculos e ligamentos do assoalho pélvico.

O termo “Vagina frouxa” usualmente se refere a uma condição onde ocorreu aumento do diâmetro da vagina. Frequentemente é causado por eventos naturais, embora traumáticos, tais como partos, ou causado pelo processo de envelhecimento natural.

Mesmo sem partos vaginais, o relaxamento vaginal pode ser observado pela perda dos tônus desta musculatura. A menopausa piora essa condição devido à menor presença de colágeno e elastina causada pela baixa hormonal.

O Laser de Co2 fracionado aplicado no canal vaginal em, pelo menos, três sessões, promove o aumento do colágeno e elastina; aumenta a vascularização dos tecidos de sustentação vaginal (folheto urogenital), proporcionando a percepção de preenchimento vaginal na maioria das pacientes submetidas ao tratamento. O índice de satisfação é elevado (86 %).

INCONTINÊNCIA URINÁRIA

A estimulação benéfica dos tecidos vaginais e periuretrais com o Laser de CO2 fracionado melhora a incontinência urinária.

É um procedimento feito no consultório, sem cortes, sem sangramento, com rápida recuperação, indolor, sem a necessidade de internação ou anestesia e com rápido retorno à atividade sexual.

MELHORIA DOS SINTOMAS E SINAIS GENITAIS NA MENOPAUSA

A menopausa determina uma variedade de alterações envolvendo todos os órgãos e sistemas do corpo da mulher. O trato genital é particularmente afetado pelo declínio da produção de estrogênio. Essas alterações constituem a chamada Síndrome Genito Urinária da Menopausa (SGUM).

Mais de 50 % de todas as mulheres na menopausa reclamam dos sintomas típicos de atrofia genital como ressecamento, irritação, dor na relação sexual e incontinência urinária que interferem fortemente na qualidade de vida.

Embora pouco visíveis alguns defeitos causam desconforto e inquietação, podendo interferir na vida sexual da mulher.

MELHORIA DA ATROFIA VAGINAL

As mulheres na menopausa sofrem com a atrofia vaginal pela redução drástica dos hormônios ovarianos, especialmente os estrogênios. A vagina sofre com a perda de lubrificação, redução dos folhetos de revestimento da mucosa vaginal e ligamentos de sustentação.

As pacientes na menopausa que NÃO DESEJAM OU NÃO PODEM UTILIZAR HORMÔNIOS se beneficiam com a aplicação de Laser de CO2 fracionado, duas a três vezes por ano. O Laser promove o aumento das camadas de células da mucosa vaginal pelo aumento dos vasos sanguíneos permitindo melhor nutrição e oxigenação; melhora o colágeno, a elastina e o ácido hialurônico; melhora espessura do estroma da mucosa vaginal, dando melhor consistência e pregueamento da mucosa. Como resultado desta resposta tecidual, ocorre maior conforto nas relações sexuais.

A mulher se sente mais confiante com a harmonia anatômica e recuperação funcional da sua genitália.